COPYRIGHT © Instituto de Proteção Animal OS SALVADORES | CNPJ: 29.147.690/0001-98 | Taquari/RS | Direitos Reservados - Cópia não autorizada | CONTATOS: WhatsApp: (51) 9 96969702 - www.salvadores.com.br - salvadoresdeanimais@gmail.com

  • Facebook ícone social
  • 4f0149647a160a47217615866f5469c4
  • Twitter ícone social
  • YouTube ícone social

No desenvolvimento de suas atividades, o INSTITUTO DE PROTEÇÃO ANIMAL OS SALVADORES observará os princípios da legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade, economicidade e da eficiência, com as seguintes finalidades:

 

I. a defesa dos animais;

 

II. a adoção responsável de animais abandonados;

 

III. a esterilização de animais, evitando a superpopulação;

 

IV. estimular o amor e o respeito aos animais;

 

V. a promoção da conscientização das pessoas, visando o bem estar, divulgando os direitos a proteção dos animais, bem como as as leis que os protegem;

 

VI. colaborar com os órgãos competentes no sentido de aprimorar a legislação relativa aos direitos dos animais;

 

VII. promover campanhas educativas e orientar a população quanto ao respeito e cuidados com os animais;

 

VIII. fiscalizar o cumprimento da legislação relativa aos animais, promovendo as ações judiciais competentes, quando for o caso;

 

IX. caso necessário e de fato a Associação poderá dar assistência médico-veterinária aos animais pertencentes à população de baixa renda, inclusive controlando a população animal através de métodos contraceptivos;

 

X. a promoção do voluntariado;

 

XI. a realização de estudos e pesquisas, produção e divulgação de informações e conhecimentos técnicos que digam respeito às atividades;

 

XII. monitorar, zelar e colaborar no cumprimento de leis, decretos, portarias, regulamentos federais, estaduais e municipais existentes e que venham existir e que tratem sobre a proteção de animais e do meio ambiente;

 

XIII. encaminhar aos órgãos públicos e privados e/ou profissionais competentes os animais com patologias clínicas que exponham ou possam expor a população ao risco de contaminação;

 

XIV. promover ações judiciais na defesa dos animais e do meio ambiente;

 

XV. o desenvolvimento cultural e científico, abrangendo atividades de consultoria e assessoria nas áreas de cuidados com os animais e com o meio ambiente.