sexta-feira, 26 de maio de 2017

Gatinho é arremessado durante a manifestação em Brasilia

Um gatinho foi arremessado durante a manifestação que ocorreu nesta quarta-feira (24), na Esplanada dos Ministérios em Brasília, Distrito Federal. 

Um gatinho foi arremessado durante a manifestação que ocorreu nesta quarta-feira (24), na Esplanada dos Ministérios em Brasília, Distrito Federal. Após a agressão, o animal fraturou a pata dianteira e corre risco de ter que passar por cirurgia de amputação do membro. Indignada com o ocorrido, a jornalista Carla Benevides resgatou o animal e o levou para uma clínica veterinária no Lago Norte, região administrativa do Distrito Federal. De acordo com a jornalista, ela estava cobrindo o protesto em frente ao Ministério da Justiça, quando um homem entregou o animal, afirmando que ele havia sido arremessado por aproximadamente 10 metros. 

“Eu adoro animal, o peguei na hora, mas não sabia o que fazer porque estava trabalhando. Vi que estava muito assustado. Fiquei com pena porque ele miava muito, dava para ver que estava com dor”, afirmou a jornalista. Após passar por atendimento veterinário, foi constatado que o gatinho rompeu os tendões e ligamentos, o que fez com que sua pata ficasse solta. Agora, ele está internado e vai receber medicamento anti-inflamatório até a equipe médica decidir se será necessário amputar a pata. 

 Comoção
 Muitas pessoas se uniram para ajudar o animal. A servidora pública Aedê Cadaxa está responsável por divulgar o caso nas redes sociais. Ela disse, em entrevista ao portal Metrópoles, que após divulgar a história no Facebook, muitas pessoas têm se comovido com a situação e já se ofereceram para cuidar do gatinho. Ela diz que agora o objetivo é criar uma campanha para conseguir fundos para pagar a conta da clínica veterinária. De acordo com Cadaxa, a Secretaria do Estado do Meio Ambiente está investigando o caso para que o responsável pela crueldade seja punido.